Marketing digital: o que é e como desfrutar dos seus benefícios

Marketing Digital já é a um bom tempo, parte da vida das pessoas que tem acesso à internet. Toda a facilidade que você encontra em transações online, navegação mais rápida, etc, hoje em dia, se deve ao fato do avanço dele.

Surgindo há pouco mais de 16 anos, essa vertente do Marketing transformou o jeito como empresas se comunicam com os consumidores.

Mas afinal, o que é marketing digital?

Marketing digital é o ato de propagar e/ou divulgar conhecimento por meio da internet.

Função: fazer branding utilizando mídias digitais. Isso envolve criação, desenvolvimento, edição, afiliação, promoção e pós venda do bem criado.

E, com a internet a cada dia mais presente na vida de todos, o marketing digital foca arduamente nas principais maneiras que as empresas tem para se comunicar com o público de forma diretapersonalizada, e no momento certo.

Apesar de diversas modalidades de marketing só serem adotadas por grandes empresas, o marketing digital é disponível para empresas de todos os portes, pois não precisa de grande orçamento para gerar ótimos resultados, é tudo mais leve. Veja esse exemplo.

As grandes vantagens do Marketing Digital

Não é à toa que o marketing digital está crescendo de maneira impressionante.

O principal motivo é que temos cada vez mais pessoas conectadas à Internet, deixando a TV e o rádio em segundo plano. Mas além disso, o marketing digital ainda conta com várias outras vantagens, veja:

1. Facilidade na comunicação

O marketing tradicional — aquele feito fora da Internet, com outdoor, TV e rádio — não permite que os consumidores se comuniquem facilmente com as empresas sobre o que acabaram de ver (na mesma hora da visualização, por exemplo)

Já esse, o marketing digital, possibilita a comunicação entre empresas e consumidores de forma fácil, 24 horas por dia e muitas vezes em tempo real, no mesmo momento que se vê o conteúdo. Até quem quer economizar nas ligações telefônicas pode se safar utilizando o chat do Facebook ou marcações no Twitter para se contactar.

2.  Interatividade

Uma das grandes vantagens do marketing na internet é que ele fica mais interativo, deixa de ser uma via de mão única – aquela que só a empresa “fala” e o cliente não consegue interagir.

Com a comunicação deixando de ser unilateral várias possibilidades se abrem e agora as empresas podem criar interações ricas com seu público, visando melhorar a qualidade de seus bens.

3.  Dados

Além de você chamar mais a atenção do consumidor, toda vez que ele interage com uma ação de marketing do seu negócio, você consegue informações sobre ele, o que podem ajudar a empresa a entender melhor sua pesona (quem compra de você – público alvo) e criar ações cada vez mais eficientes.

Além dos dados sobre a idade e localização do seu público, há também sobre o comportamento dos usuários em sites, blogs, redes sociais e motores de busca, que são essenciais para que os profissionais de marketing possam criar campanhas publicitárias eficientes, economizando tempo e dinheiro.

4. Tudo em tempo real

Como o marketing digital tem como base a própria Internet, tudo pode ser acompanhado em tempo real.

Os profissionais de marketing podem se adaptar rapidamente de acordo com a performance de uma campanha, evitando desperdício de dinheiro em algo que não está funcionando.

Os 8Ps do Marketing Digital

Estes são os elementos que mais influenciam a percepção dos consumidores sobre as empresas e que determinam o sucesso de uma marca. Incrível não?

Os 8Ps também garantem que a empresa venda o produto certo para o público certo, com o preço que irá otimizar a vendas, nos melhores pontos de distribuição (diferentes mídias digitais) e com as melhores estratégias de promoção.

1.  Pesquisa

Conseguir informações sobre seu público-alvo é essencial para saber aonde estão as melhores oportunidades de divulgação e que tipo de conteúdo vai gerar mais resultados para você.

Algumas ferramentas gratuitas, como o Google Analytics e o Google AdWords podem revelar tanto dados demográficos e o comportamento de quem visita seu site, como que tipo de informações seu público pesquisa no Google – ninguém pesquisa em outro lugar hoje em dia.

2.  Planejamento

Como você já deve ter percebido, uma estratégia de Marketing Digital pode ter diversas aplicações diferentes.

Por exemplo, sua estratégia pode contar, ao mesmo tempo, com marketing em redes sociais, mídias pagas como o AdWords e estratégias de SEO.

Para que você não se perca em meio a tantas vertentes, precisa apostar no planejamento de marketing.

Ter um plano de ação é essencial para que sua estratégia de Marketing Digital tenha coesão e para que você possa medir os resultados e otimizar a promoção da sua marca.

As ferramentas da Leadlovers – maior empresa de suporte e estratégia de marketing digital do Brasil, podem te auxiliar a partir desse ponto em diante.

3.  Produção

As melhores estratégias de Marketing Digital são voltadas para a produção de conteúdo inteligente.

Independente de que canais você utilizar para promover sua marca online, é essencial entregar conteúdos que sejam úteis e relevantes para o seu público, em outras palavras, conteúdo que tire as dúvidas e resolva o problema da sua área de atuação.

Sejam eles em texto, vídeo ou áudio, os materiais produzidos pela sua marca irão aumentar sua visibilidade online e entregar valor para seus consumidores ou possíveis clientes – leads.

4.  Publicação

Uma vez que você tenha conteúdos eficientes, é preciso publicá-los nos canais mais eficientes.

Se você produzir artigos, por exemplo, publique-os em seu blog. Se for apostar em vídeos, publique em plataformas como Youtube ou Vimeo.

Ah, sempre que for publicar algo na Internet, lembre-se de otimizar seu conteúdo para SEO, que é a peça chave para ganhar visibilidade sem pagar um centavo em anúncios.

Isto vai garantir que seus conteúdos sejam encontrados em motores de busca, como o Google, e consequentemente aumentar a visibilidade da sua marca. Porém dá muito trabalho, fica o alerta!

5.  Promoção

Após publicar seus conteúdos, é necessário promovê-los para que eles sejam acessados pelo maior número de pessoas alcançáveis.

Neste momento, você deve utilizar as informações que você coletou durante a fase de pesquisa para evitar desperdício de tempo e recursos promovendo seus conteúdos em lugares que seu público não acessa.

6.  Propagação

Uma das principais características do Marketing Digital é a interação entre empresas e consumidores.

Quando você promove sua marca online, está criando uma oportunidade de se relacionar com sua audiência.

O maior benefício deste relacionamento é que se você entregar valor para seus consumidores, eles podem se tornar um mecanismo gratuito de promoção da sua marca. Ou seja, o seu negócio cresce automaticamente sem precisa da sua intervenção, sobrando tempo para criação de novas ideias.

Portanto, crie conteúdos que irão estimular sua audiência a compartilhar e comentar sobre sua marca.

7.  Personalização

No ambiente digital, é possível acompanhar o comportamento de cada usuário.

O benefício disso para quem pratica Marketing Digital é a possibilidade de personalizar mensagens de acordo com o perfil do seu público.

Desta maneira, você pode criar estratégias diferentes para diferentes tipos de consumidores da sua marca.

Isto assegura que seus conteúdos serão relevantes, bem recebidos e que você estará otimizando seus resultados.

Quero relembrar que a ferramenta Leadlovers é a sua principal companhia para pôr em prática todos os 8Ps, não esqueça!

8.  Precisão

Como mencionamos acima, é possível medir vários comportamentos do seu público na Internet.

Quem ignora estes dados acaba desperdiçando tempo e recursos em estratégias que não são eficazes.

Portanto, acompanhe os dados de todas as suas ações de Marketing Digital para ter certeza de que elas estão gerando os resultados que você espera.

Utilize estes aprendizados para suas estratégias futuras e você estará otimizando a presença online da sua marca cada vez mais!

Canais indicados para trabalhar com Marketing Digital

Assim como o marketing tradicional, o marketing digital também possui dezenas – quem sabe centenas, de ferramentas, canais e formatos que podem ser utilizados para alcançar grandes resultados.

Seguem abaixo alguns exemplos:

1.  Blog

O blog pertence a família dos canais mais importantes dentro do marketing digital.

Por meio dele, sua empresa tem a possibilidade de estabelecer autoridade, conectar com seu público e, principalmente, transformar visitantes em possíveis clientes.

Um dos grandes benefícios deste canal é que você tem controle total do que acontece nele.

Ou seja, é você quem dita que tipo de conteúdo vai ser publicado, o tom de voz a ser utilizado, de qual maneira vai abordar seu tema e se vai promover seus produtos ou não.

Além do mais, criar um blog requer poucos recursos financeiros e pode ter um retorno muito grande para você.

Duas referências estão relacionadas ao sucesso do seu blog:

1.1  SEM – Search Engine Marketing

O Search Engine Marketing envolve qualquer ação de marketing digital focada em trazer resultados através de sites de busca, como o Google.

O SEM é de extrema importância, pois hoje os sites de busca são o canal de entrada de quase todo mundo na Internet e trazem um tráfego extremamente propenso a fazer negócios com você.

Toda vez que uma página é encontrada em algum site de busca, já havia um interesse por parte do usuário no assunto (afinal, foi ele que fez a pesquisa), o que aumenta muito a chance desse tráfego ser de qualidade.

Dentro do SEM nós temos duas principais maneiras de se trabalhar: SEO e PPC.

1.1.1  SEO – Search Engine Optimization

O SEO é uma das principais práticas de marketing na Internet e tem como objetivo melhorar a posição do seu blog na busca orgânica do Google.

Um trabalho de SEO bem elaborado envolve dezenas de diferentes ações, que vão desde otimizar seu blog para que ele carregue rápido e funcione em celulares até a criação de bons conteúdos.

Aparecer no primeiro lugar do Google é uma ótima maneira de trazer visitas qualificadas e “grátis”, afinal, você não paga para aparecer lá.

Não é à toa que eu coloquei o grátis entre aspas na frase anterior, pois apesar de não ser possível comprar sua posição no Google ainda é necessário fazer investimentos no seu próprio site – seja para mantê-lo no ar e produzir conteúdo.

A base de qualquer SEO bem feito é ter um conteúdo de qualidade, sem isso de nada adianta otimizar à perfeição seu blog, pois a principal missão do Google é entregar o melhor conteúdo para seu público e ele se tornou muito bom nesse quesito ao longo dos anos.

Tendo o conteúdo como base há várias ações que podem ser tomadas, como pesquisas de palavras-chave para te ajudar a rankear para termos mais importantes, otimização do HTML do site, etc.

1.1.2  PPC – Pay per Click

Nem só de resultados orgânicos vivem os sites de busca, afinal, eles precisam ganhar (muito) dinheiro de alguma maneira para que possamos continuar usando suas ferramentas grátis, como o Analytics, por exemplo.

A principal fonte de receita desses sites são os anúncios patrocinados, em que o anunciante paga para aparecer no topo dos resultados de busca.

No caso do Google eles possuem uma rede chamada AdWords em que você insere seus anúncios que serão mostrados de acordo com as palavras-chave que te interessarem e que forem trazer o melhor tráfego.

Apesar do AdWords ser pago, também é interesse dele que os anúncios sejam relevantes, por isso não basta pagar, seu anúncio deve ser bem feito e levar para uma página de qualidade.

2.  Email

O marketing por e-mail continua firme e forte, pois é um canal de contato direto em que o assinante do seu blog te deu autorização (claro, se você não comprou a lista, o que é uma péssima prática) para enviar um conteúdo para sua caixa de entrada.

Hoje não adianta simplesmente conseguir uma lista gigante de e-mails a qualquer custo e disparar emails publicitários torcendo para conseguir uma venda mesmo com uma baixa taxa de conversão, é preciso trabalhar com seus contatos e se tornar próximo deles, quem sabe até amigo, para que tudo flua naturalmente.

3.  Redes Sociais

As redes sociais mais utilizadas hoje em dia são Facebook, Twitter e Instagram.

Enquanto cada uma delas possui um formato diferente, o objetivo das marcas que estão presentes nestas plataformas é o mesmo: promover conteúdo e se comunicar com sua audiência.

Ao contrário dos blogs, nas redes sociais você não tem 100% do controle. Isto acontece porque os usuários têm a possibilidade de comentar publicamente em suas postagens.

4.  Vídeos

Não sendo de admirar, usuários da Internet estão consumindo cada vez mais conteúdos em vídeo no lugar de conteúdos escritos.

A previsão é de que em 2017, 70% de todo o tráfego na Internet ocorra em plataformas de vídeo como o YouTube e Vimeo.

Criar materiais em vídeo pode ser uma boa estratégia pois este formato permite a divulgação de conteúdos dinâmicos, interativos e que comunicam uma mensagem de forma rápida, além de oferecer melhor ranqueamento para blogs e sites que o tem dentro do conteúdo.

Concluindo

Como você pôde ver, o marketing digital é bem completo e envolve uma série de ações e planejamento avançado, mas para se tornar um profissional da área basta estudar bastante e acompanhar vários sites como o blog aqui e outros que tem bastante informação valiosa.

Ainda há muito espaço para crescimento do marketing digital e, aos poucos, a verba de marketing das empresas está abandonando o offline e indo para a Internet, afinal, isso é o futuro.

Não esqueça de trabalhar com o auxílio de ferramentas que te forneçam suporte. Eu particularmente recomendo a Leadlovers, que é aquela que eu uso.

Especialista em Desenvolvimento de Conteúdo e Gestão de Negócios Digitais.

Faça seu comentário, tire sua dúvida e participe.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Como Ganhar Dinheiro Na Internet eBook
tony robbins
Transforme sua Vida Pessoal e Profissional com Tony Robbins, o Maior e Melhor Coach do Mundo
No Preview
Formula Negócio Online – Como Criar um Negócio Rentável na Internet
No Preview
3 Princípios Básicos Para Alcançar e Manter uma Renda Constante na Internet
Renda extra online
Vantagens Da Renda Direta, Mais Dicas
tony robbins
Transforme sua Vida Pessoal e Profissional com Tony Robbins, o Maior e Melhor Coach do Mundo
No Preview
Formula Negócio Online – Como Criar um Negócio Rentável na Internet
Redator freelancer
Redator Freelancer: Torne-se Um Profissional De Sucesso
Trabalho de casa
Vantagens De Trabalhar Em Casa
tony robbins
Transforme sua Vida Pessoal e Profissional com Tony Robbins, o Maior e Melhor Coach do Mundo
No Preview
Formula Negócio Online – Como Criar um Negócio Rentável na Internet
Anúncios Rentáveis: Dicas E Plugin
Vantagens de ter um blog
4 Vantagens De Ter Um Blog
No Preview
Como ganhar dinheiro com Coach na Internet (ou fora dela)
Marketing digital: o que é e como desfrutar dos seus benefícios
tony robbins
Transforme sua Vida Pessoal e Profissional com Tony Robbins, o Maior e Melhor Coach do Mundo
Wikipedia Como Grande Aliada no Empreendedorismo Digital
tony robbins
Transforme sua Vida Pessoal e Profissional com Tony Robbins, o Maior e Melhor Coach do Mundo
No Preview
Formula Negócio Online – Como Criar um Negócio Rentável na Internet
No Preview
Quer Trabalhar no Google? Descubra Como Agora!
Como criar um ebook
Como criar um Ebook em 5 passos