Os Mandamentos Pra Ser Um Afiliado De Sucesso

Olá! =)

Em primeiro lugar, quero dizer que é uma honra estar aqui compartilhando esse artigo com você, leitor do blog Dinheiro na Internet. Agradeço ao convite do Ricardo por abrir espaço para que eu possa compartilhar um pouco de meu conhecimento de marketing de afiliados com você!

Meu nome é Maicon Rissi e sou um afiliado profissional! Já passei meus conhecimentos para mais de 200 mil pessoas. Sou criador do método “Afiliados que Vendem”, onde ensino milhares de pessoas a trabalharem profissionalmente com programas de afiliados, com o objetivo de terem qualidade de vida, liberdade financeira e independência financeira. Já palestrei em diversos eventos (tanto presencial, quanto online) e fico muito feliz em ter ajudado várias pessoas. Para saber mais sobre meu trabalho, veja só uma de minhas conquistas profissionais:

Prêmio que recebi de melhor blog de marketing de afiliados no maior evento brasileiro de marketing de afiliados do Brasil.

Prêmio que recebi de melhor blog de marketing de afiliados no maior evento brasileiro de marketing de afiliados.

Programas De Afiliados: O Que É Isso?

Me responda com sinceridade: “Alguma vez em sua vida você assistiu um bom filme ou foi em alguma lanchonete, e depois fez a indicação para seus amigos?“. Possivelmente sua resposta foi SIM, mas agora me responda outra coisa: “Quantos reais você ganhou por indicar o filme ou lanchonete?“. Acredito que você não ganhou nenhum centavo!

Com os programas de afiliados, a situação é totalmente diferente. Seu trabalho como afiliado é fazer indicações de produtos e serviços de outras pessoas, e pra cada indicação aceita, você ganha uma comissão! Legal isso, né? Ganhar dinheiro na internet é possível! =)

E você pode trabalhar com algum assunto que seja de seu interesse. Por exemplo: como emagrecer, como adestrar cachorro, como ganhar massa muscular, como investir dinheiro, etc. Existem programas de afiliados pra diversos assuntos diferentes e você pode trabalhar com quantos quiser. Você também pode indicar produtos físicos (geladeira, TV, vídeo-games, etc).

Suponhamos que você tenha uma loja de pet shop. Concorda comigo que se você indicar um curso de “adestramento de cães” para seus clientes, possivelmente vários deles irão comprar? Isso porque você é uma referência pra eles, quando o assunto é sobre animais.

Assim sendo, já deixo uma dica valiosa pra você, ou seja, trabalhe com programas de afiliados com assuntos relacionados com aquilo que você gosta ou trabalha! Eu acho muito estranho você odiar academia e incentivar as pessoas a fazerem exercícios físicos.

Não estou dizendo que isso é uma regra, mas se você pensar um pouco, a tendência é as pessoas aceitarem algo que você realmente acredita e não apenas diz da boca pra fora!

Antes de prosseguir, saiba de um segredo! Os afiliados de sucesso tem atitude e foco. Eles realmente “colocam a mão na massa” e não desistem. Se alguma coisa dá errado, eles procuram outras soluções.

Conhecimento sem ação é a mesma coisa que nada. Assim sendo, aplique o que vou te ensinar abaixo, ok?

O que acho interessante no trabalho pela internet, é que mesmo em períodos onde o mundo está em crise financeira, a internet se mantém estável. Inclusive, numa matéria que cedi a revista Afiliados Magazine, eu falei sobre isso.

maicon-rissi-revista-afiliados-magazine-crise

Programas De Afiliados: Como Funciona?

Você tem basicamente duas formas de ser um afiliado:

1 – Afiliado Autoridade

Esse tipo de afiliado, é aquele que usa seu nome para divulgar produtos e serviços. Como assim? Imagine uma pessoa que seja referência em culinária. Podemos usar como exemplo a Ana Maria Braga. Ela é especialista nesse assunto. Imagine ela um dia divulgando um produto sobre culinária como afiliada. Será que ela iria conseguir vender alguma coisa?

Certamente sim, pois ela é uma autoridade na área! Ela nem precisa provar muita coisa. O simples fato dela falar que alguma coisa é bom, as pessoas possivelmente vão acreditar e comprar.

O afiliado autoridade é isso, ou seja, ele entende de algum assunto, as pessoas conhecem e respeitam ele nessa área e ele usa o nome dele pra vender.

2 – Afiliado Tímido

O afiliado tímido é aquela pessoa que não mostra seu rosto e nem seu nome na internet e mesmo assim consegue fazer vendas. Mas como?

Ele geralmente usa diversas estratégias pra fazer vendas como afiliado, como por exemplo: media buy (compra de espaço publicitário em sites e blogs de nicho), anúncios pagos em plataformas como Facebook, Google, etc…, artigos patrocinados em sites e blogs de nicho, canal de vídeos no Youtube com conteúdos neutros (sem a necessidade de mostrar o rosto), etc.

As estratégias que existem são muitas e existem vários afiliados que nem conhecemos e que estão faturando alto sem a necessidade de ficar aparecente publicamente.

Mas qual o melhor tipo de afiliado? Eu recomendo que você seja os 2 tipos, pois dessa forma, você terá mais de uma fonte de renda.

Modalidades De Trabalho

Agora que você entendeu as duas formas de ser um afiliado, vamos analisar em quais maneiras você pode atuar.

Existem basicamente 4 tipos de modalidade no marketing de afiliados. São eles:

1 – CPA (Custo Por Ação)

Nessa modalidade, você recebe uma comissão, toda vez que a pessoa faz uma determinada ação, pré-estabelecida pela plataforma de afiliados que você está trabalhando. Por exemplo: vamos imaginar que você esteja trabalhando com uma plataforma de venda de linhas telefônicas e pra cada cliente interessado que você trás pra empresa, você ganha uma comissão.

Assim sendo, a ação é cadastrar um cliente interessado. Pra cada cliente interessado que tenha chegado na empresa através de você, vai ser gerado uma comissão pra você! Independentemente se a pessoa se torne cliente ou não, você vai ganhar sua comissão, pois você conseguiu fazer a ação pré-estabelecida. Esse foi apenas um exemplo! A ação pode ser qualquer outra coisa!

2 – CPM (Custo Por Mil Impressões)

Nessa modalidade, você recebe uma comissão, toda vez que você consegue exibir 1.000 vezes um determinado conteúdo de alguma plataforma de afiliados. Mas como assim? Possivelmente você já entrou em algum site e se deparou com algum banner de propaganda na página! Na modalidade de CPM, o dono do site ou blog, vai receber sua comissão, toda vez que aquele determinado banner aparecer 1.000 vezes para os visitantes do site.

Particularmente falando, eu não acho vantajosa essa opção, desde que você tenha um site ou blog com uma “enxurrada” de visitas.

3 – CPC (Custo Por Clique)

Essa modalidade gera uma comissão toda vez que você consegue fazer uma pessoa clicar no seu link de afiliado (seja no link diretamente, seja no banner, etc). Essa modalidade também só acho interessante para quem tem muitas visitas em seu site / blog ou tenha facilidade em gerar tráfego através de outras mídias.

4 – CPV (Custo Por Venda)

Essa modalidade é a minha preferida! =)

Aqui você ganha uma comissão, toda vez que você consegue fazer uma pessoa comprar alguma coisa com você (seja um produto físico ou digital). Eu prefiro trabalhar com produtos digitais, que são produtos de informação ensinando alguma coisa. Mas tem pessoas que trabalham com produtos físicos (livros, eletrônicos, etc) e também geram uma boa renda! Isso vai depender de seu gosto!

Como Ser Um Afiliado? Qual O Passo-A-Passo?

Independentemente da modalidade que você escolheu trabalhar e se vai indicar produtos físicos ou digitais, o processo de trabalho é basicamente o mesmo! Mas como assim? pra ficar mais simples de entender, vou explicar o processo em 3 partes!

1 – Escolher O(s) Nicho(s) / Assunto(s)

Conforme disse anteriormente, existem vários assuntos que você pode escolher para trabalhar como afiliado. Não é uma regra, mas recomendo que escolha algum assunto que você goste!

Dica extra: você poderá escolher também assuntos que você não goste, mas que tenha pessoas interessadas. Assim sendo, você consegue fazer mais vendas e aumentar seu faturamento. Mas esses assuntos, são apenas pra complementar sua renda. Seu assunto principal será sua principal fonte de faturamento. Por exemplo: meu assunto principal é ajudar as pessoas a trabalharem em casa, mas eu também faço vendas de outros produtos (como passar na OAB, como viajar com milhas aéreas, como emagrecer, etc).

No assunto principal (como trabalhar em casa), eu mostro meu rosto, dou dicas pessoais, etc. Nos demais assuntos, as pessoas nem sabem quem sou eu! Eu apenas faço campanhas pra fazer vendas sem precisar aparecer em público!

Resumindo: escolha um ou mais assuntos que você goste para que você possa mostrar seu rosto, mas também poderá escolher assuntos adicionais pra fazer campanhas que complementem sua renda!

Pegue uma folha de papel e uma caneta e faça uma lista de tudo que você tem conhecimento, goste de fazer ou tenha vontade de aprender (cozinhar, emagrecer, adestrar cachorro, tocar violão, economizar dinheiro, investir na bolsa de valores, etc).

Agora você vai criar uma coluna nessa folha e refazer a lista, porém ordenando os assuntos que você mais gosta!

Depois de fazer isso, temos que verificar se existem pessoas interessadas no(s) assunto(s) que você escolheu! Vou pegar como exemplo o assunto “dieta detox“.

Acesse a ferramenta de palavras-chave do Google, através do link http://adwords.google.com.br/KeywordPlanner

Pra acessar essa ferramenta, você precisa ter uma conta no Google. Caso não tenha, na tela vai ter a opção de você criar sua conta! O cadastro é simples, rápido e gratuito!

Agora clique na opção “Pesquisar novas ideias de palavras-chave e de grupos de anúncios“. (conforme mostra a imagem abaixo)

planejador-de-palavras-chave-google-1

Agora digite o assunto que você escolheu trabalhar. Faça isso assunto por assunto. Depois clique no botão “obter ideias”. (conforme mostra a imagem abaixo)

planejador-de-palavras-chave-google-2

Clique na aba “ideias de palavras-chave” e vamos analisar os resultados:

planejador-de-palavras-chave-google-3

Perceba que até o momento que estou escrevendo esse artigo, mais de 110 mil pessoas entram na internet todos os meses pesquisando informações sobre “dieta detox”. Número incrível, né?

Alguns assuntos tem pouca procura e outros tem grandes procuras. Embora não tenha um número específico pra dizer se um assunto é bom ou ruim, mas recomendo que tenha pelo menos 1.000 pessoas interessadas no assunto que você pesquisou.

2 – Encontrar Dores E Prazeres

É necessário descobrir porque as pessoas estão acessando a internet e procurando informações sobre um determinado assunto.

Elas tem um motivo por trás da busca, que pode ser basicamente a resolução de uma dor ou a procura por um prazer.

Imagine uma pessoa que procura na internet por “como emagrecer”. Talvez, ela nem queira emagrecer, mas aconteceu algum motivo na vida dela, que fez com que ela tomasse essa atitude de querer emagrecer, como por exemplo: ela descobriu que pessoas acima do peso tem sério risco de sofrer um infarto.

Perceba que a dor dela é “perder o marido”.

Ou pode ser o contrário. Talvez a pessoa esteja procurando um prazer.

Por exemplo: uma pessoa talvez goste de aeromodelismo, mas não sabe como pilotar um avião usando o controle remoto e tem medo de comprar um aeromodelo e deixá-lo cair, fazendo assim ter um prejuízo.

Nesse caso, a pessoa já quer um prazer, que é aprender um hobbye (aeromodelismo).

Então, o afiliado precisa descobrir o que motiva as pessoas a pesquisarem sobre determinados assuntos na internet.

Existem basicamente 3 formas de fazer isso: (1) se o afiliado é uma autoridade no nicho de atuação, possivelmente ele saberá isso. (2) Perguntando ao gerente de afiliados do produto que ele pretende divulgar. Sim, existem produtos que tem um gerente de afiliados, que é uma pessoa que está ali para ajudar os afiliados com informações, dicas e estratégias para que o afiliado saiba como vender o produto de maneira profissional e assim, ambos os lados saem ganhando. (3) Pesquisando na internet, através de comentários em vídeos do Youtube, grupos de determinado assunto (Facebook, Yahoo Respostas, etc).

Muitos afiliados não ligam muito pra isso, mas eu recomendo que você saiba muito bem quem você quer atingir. Saiba exatamente o público-ideal pra você se comunicar. Se um produto seu é para mulheres casadas acima de 35 anos, você não vai querer contato com homens solteiros de 20 anos, concorda?

Tente descobrir o máximo possível de detalhes sobre seu público (sexo, faixa etária, estado civil, músicas que gosta de ouvir, etc).

3 – Ganhar A Confiança

Dificilmente uma pessoa irá comprar de você no 1º contato. De acordo com um estudo, as pessoas geralmente compram à partir do 7º contato.

Aqui está um “pulo do gato” pra se fazer muitas vendas na internet. Muitos afiliados divulgam seus links na internet e não fazer relacionamento com as pessoas que acessam esses links.

Se a pessoa não comprar, o afiliado acaba perdendo tempo e geralmente, perde dinheiro.

Então, o que recomendo é você manter contato com quem acessa seus links, pra tentar fazer a venda posteriormente. Se a pessoa comprar na hora, ótimo. Mas nem sempre isso vai acontecer. Dizem que 95% das pessoas não compram no 1º contato e se você não tomar uma atitude, estará perdendo 95% de chances de fazer uma ou mais vendas.

Por isso é importante fazer alguma coisa pra manter relacionamento com essas pessoas. O objetivo é ganhar a confiança delas e mantar objeções. As pessoas poderão pensar: “Será que esse curso é bom mesmo?”, “O criador desse produto é confiável?”, “Será algum golpe da internet?”, etc.

Cada produto, tem suas objeções e dúvidas. O afiliado precisa também identificar essas objeções, pra poder criar conteúdos pra ajudar a pessoa a tomar uma decisão.

O que recomendo é fazer pelo menos 7 conteúdos para provar pra pessoa que o produto é bom, confiável etc.

Alguns exemplos de conteúdos são:

  • Depoimentos de pessoas que tiverem sucesso;
  • Dicas e conteúdos de valor, que faça a pessoa querer mais;
  • Mostrar sobre o trabalho do criador do produto (entrevistas, projetos, etc);
  • etc…

Use e abuse da criatividade para criar esses materiais e no final de cada um desses conteúdos, pode-se direcionar para a página de vendas do produto.

O ideal é no 1º contato dar alguma gratuita e de valor para a pessoa, relacionada com a dor ou prazer que ela quer. Esse material pode ser um áudio, ebook, vídeo ou qualquer outro formato. Recomendo que seja algo de muito valor, que possa ser consumido em poucos minutos e que deixe a pessoa querendo mais.

Pode-se criar isso através de diversos tipos de estrutura.

Pode-se criar, por exemplo, uma página de captura de e-mails, onde as pessoas cadastram seu e-mail em troca do material gratuito que você oferece. Depois que a pessoa se cadastra, você irá usar uma plataforma de e-mail marketing, que enviará e-mails automáticos para essas pessoas. Você irá configurar os intervalos de envio.

Por exemplo: o e-mail 1 será enviado no mesmo dia que a pessoa se cadastra. O e-mail 2, será enviado 4 dias após. O e-mail 3, será enviado 8 dias após. E assim por diante. Não importa a data do cadastro da pessoa. O sistema irá enviar os e-mails automaticamente sempre na sequência que você programou. Isso é incrível, né?

Mas existem outros meios de se manter contato com as pessoas, sem usar e-mail marketing. Pode-se usar, notificações no Facebook, anúncios no Google, Facebook ADS e assim por diante. O mercado de afiliados cresce com frequência e as estratégias estão sempre sendo aprimoradas. Recomendo que esteja sempre acompanhando as novidades e atualize-se!

4 – Divulgação (Tráfego)

Depois de tudo pronto, agora é hora de divulgar suas páginas, ou seja, ter pessoas interessadas na sua proposta. Muitas pessoas cometem o erro de querer divulgar em alguma rede social para amigos, parentes, vizinhos, etc. Saiba de uma coisa: essas pessoas geralmente não compram nada. Elas costumam dizer que você está doido. E elas dizem isso com boa intensão, pois na internet realmente existem muitos golpes.

Minha dica é: “esqueça” um pouco essas pessoas e faça o trabalho da maneira profissional. Quando tiver resultados, aí sim você poderá mostrar pra eles o que você tem feito, pois seus resultados deixará eles sem argumentos pra te dizer que você está doido!

Na internet, existem bilhões de pessoas. A cada dia que passa, mais e mais pessoas estão conectadas (até mesmo as crianças). Se tem tanta gente na internet, pra que ficar divulgando para amigos, parentes e vizinhos, né?

Cada pessoa que está na internet, tem um interesse diferente, um gosto diferente, etc.

Existem muitas formas de você conseguir visitas em suas páginas, como por exemplo: vídeos no Youtube, blogs aparecendo na primeira página do Google, compra de publicidade (Facebook, Google, etc).

Por curiosidade, acesse o site do Youtube e pesquise por “como emagrecer”. Dê uma olhada na quantidade de vídeos que tem lá e veja que vários deles tem muitas visualizações (às vezes até na casa dos milhões).

Imagine alguém pesquisando por emagrecimento na internet e encontre seu vídeo falando sobre esse assunto. Agora imagine milhões de pessoas fazendo isso e encontrando seus vídeos! Perceba que você tem uma mina de ouro em suas “mãos”. Basta saber aproveitar.

Fontes de tráfego na internet são várias. Basta analisar onde seu público está e você irá estar lá! Inclusive, eu gravei um vídeo com mais detalhes sobre dicas para divulgação. Se quiser assistir, clique aqui.

Conclusão + Duas Dicas Extras

Quero te agradecer MUITO por ter chegado até o fim desse artigo e espero profundamente que esse conteúdo tenha te ajudado de alguma forma em seus negócios.

Se tiver alguma dúvida, poderá entrar em contato comigo e terei prazer em te ajudar, ok?

Quero te dar duas dicas extras:

Então é isso!

Um grande abraço do Maicon Rissi e sucesso!

Até mais! =)

2 Comentários
  1. maicon fui baixar o seu e-book, mas o sistema do aweber está fora do ar no seu Site/blog faz a manutenção aí pois vc pode esta deixando de capturar e-mail
    Vlw

    • Autor

      Oi, Alex!

      Acredito que você tenha clicado no link errado, pois nesse artigo eu não ofereço ebook. Qual link você acessou?

Faça seu comentário, tire sua dúvida e participe.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Como Ganhar Dinheiro Na Internet eBook
No Preview
3 Princípios Básicos Para Alcançar e Manter uma Renda Constante na Internet
Renda extra online
Vantagens Da Renda Direta, Mais Dicas
Imagem site Dinheiro na Internet 649x307
Bom Negócio para seu Futuro – Aprenda como Ganhar Dinheiro na Internet com o Programa de Afiliados
renda extra estudando
5 formas de ter uma renda extra como estudante
Redator freelancer
Redator Freelancer: Torne-se Um Profissional De Sucesso
Trabalho de casa
Vantagens De Trabalhar Em Casa
Imagem site Dinheiro na Internet 649x307
Bom Negócio para seu Futuro – Aprenda como Ganhar Dinheiro na Internet com o Programa de Afiliados
7 possibilidades de trabalhar em casa
7 possibilidades de trabalhar em casa
google-adsense
Anúncios Rentáveis: Dicas E Plugin
Vantagens de ter um blog
4 Vantagens De Ter Um Blog
como montar e ganhar dinheiro com blog
Como montar um blog e ganhar dinheiro
Dicas pra aumentar as visitas do seu blog
5 Dicas pra Aumentar as Visitas e Vendas do seu Blog! #A 4º é a Melhor
wikipedia
Wikipedia Como Grande Aliada no Empreendedorismo Digital
leadlovers
Gerencie Leads, Automatize seu Negócio Online e Aumente as Vendas
Escolha da profissão
Aprenda Montar a Sua Poderosa Máquina de Vendas Online
No Preview
Ideias Para Ganhar MUITO Dinheiro em 2017
No Preview
Quer Trabalhar no Google? Descubra Como Agora!
Como criar um ebook
Como Criar Um Ebook Em 5 Passos
No Preview
Livre-se das Dívidas e Realize seus Sonhos!
Escolha da profissão
Como Escolher Uma Profissão